Suche

Press release #Mobilidade Conectada

Conectividade expande oportunidades de produtos e serviços do mercado de reposição automotiva

  • Internet das Coisas possibilita a conectividade entre veículos e serviços automotivos
  • Adaptação e capacitação profissional são necessários para as oficinas do futuro
  • Tecnologias que facilitam a manutenção veicular

Julio Rocha >

X

Campinas – A conectividade, a eletrificação e a automação estão cada vez mais presentes nos carros do futuro, que passarão a ter sistemas que visam melhorar a segurança, a dirigibilidade e a experiência diária do usuário. Além de impactar o modo de ir e vir das pessoas, essa nova forma de mobilidade também modificará os serviços das oficinas mecânicas, que precisam estar aptas para realizar a manutenção destes novos veículos.

Especialmente devido o advento da Internet das Coisas (IoT) e da conectividade, o veículo passará a se comunicará com o motorista e com o meio externo, oferecendo uma variedade de serviços, desenvolvimento de novos negócios e eficiência no atendimento aos clientes. Num futuro próximo, por exemplo, a tecnologia possibilitará que o condutor receba um aviso no painel do carro informando que já está na hora de fazer a manutenção preventiva e, graças a conectividade, com um simples toque de um botão será possível agendar o serviço necessário na oficina mais próxima.

Eletrificação demanda oficinas e profissionais preparados

Com o crescimento da frota de veículos híbridos e elétricos, é necessário contar com oficinas preparadas para a manutenção desses veículos. Ter uma estrutura adequada para lidar com alta tensão e isolar uma vaga específica para prevenção de possíveis descargas elétricas estão entre os itens que precisam de atenção.

Investir na capacitação dos profissionais encarregados pela manutenção desses veículos é tão importante quanto a infraestrutura da oficina. “A segurança é vital, porque são carros com sistema de alta tensão. Os automóveis 100% elétricos não têm itens de reparação como velas, correias, filtros de combustível e de óleo, bielas e virabrequim, o que simplifica a revisão, mas os profissionais do setor de reparação automotiva precisam de treinamentos específicos em relação aos dispositivos de segurança, diagnóstico e a intervenção para desconectar o sistema de alta tensão do carro, explica Diego Tournier, chefe do Centro de Treinamento Automotivo da Bosch.

Conectividade também no serviço de resgate

As soluções conectadas e baseadas em processamento de dados permitirão que os processos sejam realizados com mais rapidez e eficiência, e esse cenário não será diferente no mercado de reposição ou na geração de novos serviços de assistência veicular, por exemplo.

O Roadside Assistance é uma plataforma inteligente da Bosch baseada na nuvem, que integra prestadores de serviços, como os guincheiros, montadoras, seguradoras, frotistas, locadoras, gerenciadoras e rastreadoras de frotas. Ela oferece atendimento aos clientes que estão com os seus veículos parados nas vias devido a ocorrências no trânsito como acidentes ou falhas mecânicas. Através de um aplicativo, os condutores podem solicitar ajuda iniciando, assim, uma jornada totalmente digital que garante mais agilidade no atendimento. O aplicativo informará alguns dados e confirmará a solicitação de assistência veicular presencial para usufruir de um serviço que está disponível 24 horas por dia, 7 dias por semana. Além disso, o motorista poderá acompanhar em tempo real, por meio de um mapa no aplicativo de celular, a chegada do profissional que prestará o serviço.

Contato para imprensa:

Julio Rocha

Telefone: (19) 2103-2611

E-mail: julio.rocha@br.bosch.com

Com mais de 65 anos de história com o Brasil, o Grupo Bosch emprega atualmente no país cerca de 8.200 colaboradores e registrou, em 2020, um faturamento líquido de R$ 5,1 bilhões com a oferta de produtos e serviços para os setores Soluções para Mobilidade, Tecnologia Industrial, Bens de Consumo e Energia e Tecnologia Predial. As operações do grupo na América Latina empregam cerca de 9.800 colaboradores que contribuíram para gerar um faturamento de 6,9 bilhões de reais, incluindo as exportações e vendas das empresas coligadas. Para mais informações: www.bosch.com.br, www.bosch-press.com.br.

O Grupo Bosch é um líder mundial no fornecimento de tecnologia e serviços. A empresa emprega mais de 395 mil colaboradores em todo o mundo (posição de 31.12.2020). A empresa gerou vendas de 71,5 bilhões de euros em 2020. As operações do Grupo estão divididas em quatro setores de negócio: Soluções para Mobilidade, Tecnologia Industrial, Bens de Consumo e Energia e Tecnologia Predial. Como uma empresa líder em IoT, a Bosch oferece soluções inovadoras para casas e cidades inteligentes, mobilidade e indústria conectadas. A empresa busca por uma mobilidade sustentável, segura e fascinante e utiliza sua expertise em sensores, software e serviços, assim como sua própria nuvem de IoT para oferecer aos seus consumidores conectados múltiplas soluções a partir de uma única fonte. O objetivo estratégico do Grupo Bosch é disponibilizar inovações para uma vida conectada com produtos e soluções que contêm inteligência artificial (IA) ou que foram desenvolvidos ou fabricados por meio da IA. Com isso, a Bosch aprimora a qualidade de vida em todo o mundo com produtos e serviços inovadores concebidos para fascinar e, assim, cria "Tecnologia para a Vida". O Grupo Bosch é composto pela Robert Bosch GmbH e cerca de 440 subsidiárias e empresas regionais presentes em aproximadamente 60 países. Incluindo os representantes de vendas e serviços, a rede global de produção, engenharia e vendas da Bosch abrange quase todos os países do mundo. Com mais de 400 localidades no mundo, o Grupo Bosch é neutro em carbono desde o primeiro trimestre de 2020. A base para o crescimento futuro da organização é sua força inovadora. A Bosch emprega 73.000 colaboradores na área de pesquisa e desenvolvimento em 129 localidades em todo o mundo, bem como cerca de 34 mil engenheiros de software.

Mais informações: www.bosch.com, www.iot.bosch.com, www.bosch-press.com, www.twitter.com/BoschPresse.

Com mais de 65 anos de história com o Brasil, o Grupo Bosch emprega atualmente no país cerca de 8.200 colaboradores e registrou, em 2020, um faturamento líquido de R$ 5,1 bilhões com a oferta de produtos e serviços para os setores Soluções para Mobilidade, Tecnologia Industrial, Bens de Consumo e Energia e Tecnologia Predial. As operações do grupo na América Latina empregam cerca de 9.800 colaboradores que contribuíram para gerar um faturamento de 6,9 bilhões de reais, incluindo as exportações e vendas das empresas coligadas. Para mais informações: www.bosch.com.br, www.bosch-press.com.br.

O Grupo Bosch é um líder mundial no fornecimento de tecnologia e serviços. A empresa emprega mais de 395 mil colaboradores em todo o mundo (posição de 31.12.2020). A empresa gerou vendas de 71,5 bilhões de euros em 2020. As operações do Grupo estão divididas em quatro setores de negócio: Soluções para Mobilidade, Tecnologia Industrial, Bens de Consumo e Energia e Tecnologia Predial. Como uma empresa líder em IoT, a Bosch oferece soluções inovadoras para casas e cidades inteligentes, mobilidade e indústria conectadas. A empresa busca por uma mobilidade sustentável, segura e fascinante e utiliza sua expertise em sensores, software e serviços, assim como sua própria nuvem de IoT para oferecer aos seus consumidores conectados múltiplas soluções a partir de uma única fonte. O objetivo estratégico do Grupo Bosch é disponibilizar inovações para uma vida conectada com produtos e soluções que contêm inteligência artificial (IA) ou que foram desenvolvidos ou fabricados por meio da IA. Com isso, a Bosch aprimora a qualidade de vida em todo o mundo com produtos e serviços inovadores concebidos para fascinar e, assim, cria "Tecnologia para a Vida". O Grupo Bosch é composto pela Robert Bosch GmbH e cerca de 440 subsidiárias e empresas regionais presentes em aproximadamente 60 países. Incluindo os representantes de vendas e serviços, a rede global de produção, engenharia e vendas da Bosch abrange quase todos os países do mundo. Com mais de 400 localidades no mundo, o Grupo Bosch é neutro em carbono desde o primeiro trimestre de 2020. A base para o crescimento futuro da organização é sua força inovadora. A Bosch emprega 73.000 colaboradores na área de pesquisa e desenvolvimento em 129 localidades em todo o mundo, bem como cerca de 34 mil engenheiros de software.

Mais informações: www.bosch.com, www.iot.bosch.com, www.bosch-press.com, www.twitter.com/BoschPresse.

Baixar press release

Ainda procurando por algo?